segunda-feira, 5 de julho de 2010

IDENTIDADE HUMANA FRANCISCANA - IX

Falar e refletir sobre a Identidade Franciscana não é algo simples, mas muito complexo. Francisco não é um teórico, nem um pensamento exposto de um modo metodológico. Ele é uma vivência, e não é fácil detectar a dinâmica inspiradora de uma vida (cfr. Salvador Ângelo Domingos, “Formação para a Vida Franciscana”,
Est/Vozes/Cefepal,1981.)

Para Francisco a sua Identidade é clara: “O próprio Altíssimo me revelou que eu devia viver segundo a forma do santo Evangelho”. A Identidade Franciscana é viver segundo a forma de vida do Evangelho. Se houver outras chaves de leitura para identificar a Identidade Franciscana não se pode dizer sem esta verdade: Viver a fraternidade evangélica, a pobreza evangélica, a minoridade evangélica, a alegria evangélica. É dar um lugar teológico à vida. Posso viver uma vida qualquer, como posso viver uma vida segundo a força do Evangelho. E isto não é exclusivo à pessoa religiosa que está ligada a uma consagração religiosa. Isto vale para todos e dá um diferença: Moldar o modo de ser segundo um Valor Maior (do Evangelho) é um modelo, um modo vivente, um jeito de estar e atuar no mundo.

Continua amanhã

Nenhum comentário: