quarta-feira, 4 de setembro de 2013

A ESPIRITUALIDADE PRESENTE NO CUIDADO DA SAÚDE - 3

Cena do filme "Ben Hur", drama épico bíblico com Charlton Heston.

O que é o Fogo?  É o elemento da transmutação alquímica, a purificação, a fonte da vida. O Sol é a energia que se libera do interior da matéria, a energia que emana de cada ser humano. Do fogo nasce a Fênix, mais pura, mais forte, mais bela e perfeita. É o renascer das cinzas. No fogo se prova o ouro. É a transformação da energia. No fogo se consuma a água transformadora: alimento e obra.

O Mito da Carruagem de Fogo que sobe em direção ao lugar mais alto é a dinâmica da existência, o movimento contrário a qualquer estagnação. É a Vida, a Corporeidade, a Estrutura, o nosso Arranjo Existencial, os nossos Projetos (“pro icere” = lançar para a frente), os esquemas, princípios, o lugar onde somos colocados e que temos que fazer andar.

Na Carruagem, o Passageiro... Quem é o Passageiro? O Viajante? É a nossa Corporeidade (Corpo, Mente, Alma e Coração), a nossa Inteireza, a nossa Identidade, o nosso EU, a nossa Vida, ou quem ou o quê queremos colocar dentro da carruagem  para conduzir. Como estou conduzindo tudo isto?

Na Carruagem, o Cocheiro (ou o Condutor)... Quem é o Condutor? São os nossos Mestres, nosso Guia, nossa Inspiração. Pode ser o Mestre dos Mestres, Jesus, Buda, Maomé, Ghandi, um Livro, alguém especial, uma filosofia de vida, um Projeto de Vida. Pode ser eu mesmo ou quem ou o quê eu quiser colocar ali... Conduzir vem de “ducor”, “ducere”: caminhos de condução aos mistérios da existência. Educar = educere: conduzir para fora, trazer para a Luz!

Na Carruagem, as Rédeas... O que são as Rédeas? São as Diretrizes, Códigos de Comportamento, Valores, Virtudes, Moral, Ética, Leis, Normas, Mandamentos, Estatutos, Regimentos, Projetos Pedagógicos, Leis Civis, Religiosas, Familiares.

Na Carruagem, o Chicote... O que é o Chicote? Não é para bater, agredir ou castigar pela dor. Os grandes condutores de carruagem (cfr. o filme "Ben Hur") não batem nos cavalos, mas estalam os chicotes para incentivá-los e instigá-los, estalam no chão para motivar a força propulsora. É cutucar, beliscar, cutucar, acordar, alertar! É o domínio e a motivação da vontade bem trabalhada. Acordar a alma é usar a Força de todas as Energias.

Na Carruagem, os Cavalos... O que são os Cavalos? A “dínamis”, a potência, a força, o impulso, o dinamismo que leva para algum lugar.

SÃO AS NOSSAS FORÇAS INTERIORES QUE PUXAM O CARRO DA NOSSA EXISTÊNCIA! Que levam a vida para a frente, que impedem que fiquemos empacados em lugar nenhum. Os Cavalos de Força, no mito, representam as nossas mais profundas ENERGIAS. O  que é energia? O cuidado com as nossas FORÇAS INTERIORES. É preciso ter Amor e Cuidado para com estas forças. Educar é acordar as energias, é mostrar e buscar as qualidades que eu ainda não tenho, ou que estão dentro de mim e que preciso despertá-las.

No Mito Grego, a Carruagem da Existência é puxada por 6 cavalos de força. Eles representam as nossas Forças Interiores! Quais são estas forças? Vejamos:

Continua!

Nenhum comentário: