sexta-feira, 16 de maio de 2014

PORQUE SOU LIVRE, SOU RESPONSÁVEL - VI


Ser responsável é dar-se por inteiro. Quando você entrega-se por inteiro não sobra nada. Você não é uma migalha. Quando damos tudo ficamos totalmente livres; por isso responsabilidade e liberdade não se separam.

SPONS é união profunda e duradoura. É corresponder continuamente a um compromisso assumido. Não perder de vista que o laço que se quer assumir é a transformação da vida e da história por Amor. SPONS é encantamento! Sem encantamento não conseguimos viver.

É a responsabilidade de criar uma Nova Identidade: tempo de transformação! SER SUJEITOS LIVRES E RESPONSÁVEIS! O que isto significa? Ser fiéis ao que se acredita sem a mediação do mercado. O capital não tem pátria e nem fidelidade.  O mercado roubou a alma da religião e fez dela a sua alma, por isso a nossa sociedade está encharcada de religião sem alma. Ser responsável e ser um  agente de mudanças significa: vou entrar numa forte Espiritualidade! Não posso perder o Sagrado que existe em mim!

A empresa não pode sufocar a minha libido. Eu amo e isto é tudo! Faço tudo por amor e não quero que nenhum sistema me faça mal, que o sistema me adoeça. Vou usar bem o meu tempo e não deixar que ele faça um embotamento das experiências. Não quero descartabilidade nas relações. Não quero um envelhecimento precoce. Não quero ser uma mercadoria que vem com prazo de validade. Quero uma lógica solidária: ninguém pode ficar esquecido ou ficar para trás. Quero viver em comunhão e não em solidão. Comunhão é um nível mais profundo de Fraternidade.

Que São Francisco de Assis não seja apenas um gosto estético, mas sim um provocador da minha vida. Ele dizia: “Muito deve ser amado o Amor daquele que muito nos amou!” (2Cel 196). Ele nos ensinou que o cristianismo não é apenas uma coleção de verdades que eu tenho que aprender, mas é um caminho de Amor que tenho que fazer com responsabilidade. Que preciso viver com enamoramento. Não existe vida humana possível sem encantamento. Não existe sujeito que não seja cruzamento de muitos caminhos. Francisco é uma paragem onde a humanidade se encontra nos cruzamentos de seus caminhos. Francisco nos ensinou que a nossa vida deve ser um único gesto de Amor multiplicado no tempo. Como Francisco de Assis temos que ser facilitadores de encontro com a humanidade. Vamos facilitar para a humanidade também um encontro com Francisco e Clara de Assis. Podem sair muitas respostas daí. Temos que colocar nas mãos e nos corações das pessoas um encontro com subjetividades fortes. O máximo e o melhor do humano é o que mais  revela a face de Deus. O ser franciscano é uma proposta de ser que seduz e cativa a humanidade. Ser franciscano é reforçar identidades!

Continua

Nenhum comentário: