segunda-feira, 3 de setembro de 2007

A Espiritualidade Hesicasta - 12ª parte


6. Oração hesicasta e iluminação
Quando a oração hesicasta se torna perfeita oração do coração, seu primeiro efeito é a iluminação. Não podemos esquecer que esta oração é o grito suplicante do cego que pede a Jesus que o cure da cegueira (cf. Lc 18,38). E Jesus atende ao grito do pobre cego: abre-lhe os olhos e lhe dá a iluminação.
A teologia da luz é muito importante para a espiritualidade. Na liturgia tudo é luz: a igreja fica toda iluminada, as imagens, o altar, os candelabros, a Palavra que vai ser proclamada diante do povo fiel.
A Páscoa é uma festa de luz!O Natal tem a Estrela que conduz os magos ao local onde se acha o Menino-Deus! A Festa da Transfiguração relembra o modo como o corpo de Jesus se torna transparente e todo iluminado no alto do Monte Tabor (cf. 9,28s).
A luz espiritual interior deve tornar-se, de modo carismático, sempre mais visível. É o frágil corpo humano, transfigurado, que já começa a participar da glória da divindade.
Quem através da prece provou a alegria e a presença de Deus tem os olhos iluminados.
Imagem, "Transfiguração", de Rafael

Amanhã, o nº 7 "A Oração como bondade do coração"

Um comentário:

Denise disse...

Prezado Frei,

eu já provei da presença de Deus, com alegria e paz. Uma doçura grande. Porém, não saberia dizer se meus olhos são iluminados, nem se tenho alguma iluminação. Alguém é capaz de saber isto?

Sua benção.
Denise.