sexta-feira, 6 de junho de 2008

Santo que todo mundo ama


Cada dia, e ainda mais neste ano do Centenário Antoniano, a Basílica de Pádua, na Itália, chama para si multidões de peregrinos num compromisso religioso que congrega devotos de todo o mundo. Santo Antônio, de quem diz: “O Santo que todo mundo ama” é um verdadeiro fenômeno a reunir milhares de pessoas. Só em Pádua, só em Lisboa? Não! Mesmo aqui no Brasil, muitas igrejas a ele dedicadas ou onde se incentiva a sua devoção; sobretudo às terças-feiras, os fiéis acorrem para as bênçãos e peregrinações. Peregrinar é algo mais do que caminhar, ou colocar-se na estrada para uma viagem. Peregrinar é movimentar-se para uma meta religiosa; é ir para um lugar santo ou para um santuário com uma profunda intenção religiosa ou simbólica. Peregrinar é a expressão de um povo em marcha, caminhando com seus sonhos, com suas esperanças e seus propósitos. Peregrinar é sair de um lugar para melhorar a situação, recompor os esquemas mentais. Peregrinar é buscar! Por ajudar nesta busca Antônio é por demais amado.

Nenhum comentário: