segunda-feira, 14 de outubro de 2013

A MÍSTICA DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS - 7


Na mística moderna de Rahner temos três aspectos: 

1 - A explicação fenomenológica - O humano, enquanto sujeito espiritual, é um Ser que não pode mais evitar de interrogar-se sobre si mesmo e sobre os seres em geral. É o fenômeno existencial do humano que coloca a pergunta necessária. O ser humano é uma pergunta necessária e ontológica do Ser e examina a sua essência. O ser humano é uma pergunta infinita e absoluta, e tal pergunta ontológica resulta na possibilidade de escutar uma resposta cristã.

2 - A redução transcendental -  O sujeito é uma dimensão “a priori” que coloca numa luz o humano como um ser de transcendência. O humano tem um horizonte “apriorístico” e por isso faz perguntas ontológicas através de uma prévia percepção do conhecimento como experiência transcendental, que é uma possibilidade da verdadeira e própria revelação. O humano, através da experiência mística é elevado ao “a priori” da revelação originária de Deus.

3 - A dedução transcendental - É o ponto que examina a estrutura característica da ação como categoria do sujeito. A essência do sujeito salta para fora na sua ação. O humano é a matéria de Deus, uma revelação histórica. Deus é a transcendência absoluta. O ser humano é transcendência que se orienta para o Absoluto.

Continua

Nenhum comentário: