quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

O ANO SANTO DA MISERICÓRDIA - Perspectivas Franciscanas - 2



Nos tempos mais recentes, o Ano Santo representa momentos de unidade e renovação da Igreja e um apelo para que toda a humanidade se reconheça irmanada e percorra caminhos de justiça e paz. Componentes históricos, virtudes teológicas, princípios cristãos, força espiritual se fazem presentes para trazer o júbilo de uma mudança interior e exterior, sobretudo nas estruturas. Passado e presente se unem para um futuro de esperança, para uma autêntica renovação e reconciliação, que a misericórdia de Deus propõe e inspira. A renovação espiritual concreta da pessoa nas suas diversas abrangências. No pensamento que pensa e pensando assuma a verdade. No trabalho que realiza para que trabalhando possa progredir e abastar-se, que possa realizar-se e equilibrar a alegria e o lazer. Dos bens pessoais aos bens sociais e comuns. Da conversão como uma metanoia, como uma nova escolha de vida e mudança de lugar.

Que os valores eclesiais sejam mais expostos para que se transformem numa grande orientação em meio aos desafios do mundo. Que haja uma polivalência de endereço nestes valores para que atinjam não somente cristãos católicos, mas toda a cristandade, e todos aqueles que em nome de Cristo e em nome da fé defendem a fraternidade, o ecumenismo, a acolhida para os que estão mais próximos e os mais distantes. Misericórdia para dentro da estrutura eclesiológica que precisa muito de conversão e do coração do Evangelho para atravessar seu deserto interno. Tempo de reflexão e de reformas. Convite real a um ato de fé e mudança de lugar, o modo franciscano da conversão. Que a evangelização seja realmente o retorno à força apostólica primitiva para propor ao mundo contemporâneo uma ação de Palavra, Fé, Obras e Convivência. Que a força celebrativa do Ano Santo reencante a qualidade vocacional de todos os estados de vida, porque o mundo tem necessidade de autênticas testemunhas do Evangelho e do Reino, com misericórdia, penitência e santidade. Que o Ano Santo da Misericórdia instaure a paz em todas as situações de conflitos, sobretudo nos massacres fratricidas das guerras.

Continua


Um comentário:

Gilcia Gil disse...

Olá Frei Vitório!
Maravilhoso texto sobre o Ano da Misericórdia!!!
Moro em Ubatuba e tive o privilégio de estar com o senhor em nosso Retiro Espiritual Franciscano,Deus o ilumine sempre!!!
PAZ e BEM!
Gilcia Gil
Ubatuba/SP.