segunda-feira, 14 de agosto de 2017

FRANCISCO DE ASSIS, NOSSO IRMÃO


Quero apresentar este livro com vários autores: Costa Freitas, David Azevedo, Adelino Pereira, Gama Caeiro Cerqueira Gonçalves, Carreira das Neves e João Lourenço,  Francisco de Assis Nosso Irmão, Problemas de Ontem e de Hoje, Editorial Franciscana, Braga, Portugal, 1995. É uma coletânea da homenagem feita a Província Portuguesa da Ordem Franciscana, na passagem do primeiro centenário da sua restauração.

O livro relata em vários artigos a Fraternidade que Francisco viveu com alma ao longo de seu caminho e dela impregnando todos os seus comportamentos, a oração, a pobreza, a pregação, a itinerância, o cuidado dos irmãos, a relação com a Igreja, a promoção da paz, a reconciliação  e todas as formas do seu relacionamento com as pessoas e com a natureza, a solidariedade, o sofrimento e o Cântico das Criaturas.

A Fraternidade é o que se vê primeiro em Francisco, como se ela fosse a esperança menina que adormecida tem no coração e que a figura do Santo faz despertar e sorrir, como luz matinal dum sol que por fim há de irradiar triunfante sobre o mundo.

No livro, os autores, levantam questões que fazem sofrer e inquietar a humanidade hoje e aí projetar o sentir franciscano.  Mais que mensagem proclamada, a Fraternidade é um diálogo que escuta o sofrer humano e procura dele participar e sobre ele dizer o que sente uma alma franciscana. A experiência de Deus, a vivência religiosa, o problema do mal, a paz e a ecologia são algumas destas questões.

FREI VITÓRIO MAZZUCO

Nenhum comentário: